Google+ Seguidores

Leitura sem fronteiras - Tradutor

terça-feira, 23 de agosto de 2011

Amizade entre professor e alunos na web


O Fato:

Professores americanos lutam contra lei que proíbe amizade com alunos na web

A Lei 54 foi criada com o objetivo de proteger as crianças de abusos sexuais, impedindo que professores e alunos troquem mensagens particulares pela internet, ou até mesmo pelo celular, por meio de mensagens de texto. A Associação Estadual dos Professores do Missouri afirma que a nova lei infringe os direitos dos educadores de se comunicarem livremente. O grupo está pedindo à corte que aguarde a implementação da lei até que a sua constitucionalidade seja determinada.
De acordo com informações do jornal americano The Huffington Post, muitos dos membros da associação estão convencidos de que a lei é sem propósito. Os professores dizem que ela fere o direito constitucional de livre expressão, associação e religião.
O governador Jay Nixon assinou a lei no último mês, mas ela só entra em vigor em 28 de agosto.

A regra foi criada depois que um levantamento mostrou que 87 professores do Missouri perderam suas licenças entre 2001 e 2005 por causa de má conduta sexual, inclusive envolvendo troca de mensagens pela web com alunos.
Ainda não está claro como as redes sociais serão fiscalizadas. A lei não explica se os sites terão controle aos dados de usuários ou se o governo vai ter acesso a contas do Facebook e até aos computadores dos cidadãos. 
Por essas e outras razões, muitos professores do Estado consideram que a lei é pouco específica. A senadora que elaborou o projeto, Jane Cunningham, diz que os críticos entenderam a proposta de forma errada e que os educadores não serão banidos do Facebook.
Os professores ainda poderão criar páginas para entrar em contato com seus alunos, desde que o acesso seja aberto a todos. A página é diferente de um perfil e funciona apenas para divulgar informações. 
Fonte: Diárioonline
Com a colaboração do Lucas Alves


A Opinião:

Para que uma lei não perca o propósito e consiga de fato alcançar o objetivo, é necessário que seja preparada avaliando todas as possibilidades. Uma lei para proibir a amizade entre alunos e professores é simplesmente absurda devido alguns aspectos.
Primeiro, essa lei está criminalizando o professor e classificando-o como pedófilo. Segundo, em uma rede social não existem amizades forçadas, logo, se alunos e professores são amigos é porque houve interesse das duas partes, do contrário basta que um dos dois não aceite a solicitação de amizade. Terceiro, cabe aos responsáveis pelos alunos monitorar a forma como o mesmo utiliza a internet, impedindo assim a real ação de pedófilos ou a exposição dos alunos a conteúdos inapropriados. Quarto, a fiscalização é muito difícil de ser realizada, pois os mau intencionados podem usar perfis falsos para se aproximar dos alunos, assim, a lei pode estar restringindo apenas as amizades sadias.
Acredito que a preocupação maior não deveria ser com a amizade entre alunos e professores, que torna o ambiente escolar mais agradável. O professor sente mais prazer de trabalhar com a turma e a turma se sente bem na aula do professor. A preocupação maior deveria ser sim com a hostilidade entre eles. Como é possível observar abaixo:




O professor deve ter a liberdade para ser amigo dos alunos, mas o respeito e a consideração sempre devem existir.

O Debate:

Você acha que professores e alunos podem ser amigos na web?

Nenhum comentário:

Postar um comentário