Google+ Seguidores

Leitura sem fronteiras - Tradutor

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Sobre os problemas do ENEM



Relembrando os fatos:

2009:



2010:


2011:


Nos últimos 3 anos o Enem teve problemas sérios. A dúvida que fica é: Será que é boicote ou pura incompetência mesmo?
Seja qual for a justificativa, os alunos não podem ficar reféns de um sistema tão falho.
É um erro anular somente a prova dos alunos de uma escola. O correto seria anular totalmente a prova desse ano e punir severamente os envolvidos no vazamento.
Parece que várias manifestações já estão sendo preparadas, mas pelo que já vi pelo Brasil, será a mesma coisa: cartazes, nariz de palhaço, gritos de ordem, enfim...
O fundamental é que os alunos saiam mesmo para as ruas e que busquem justiça, mas procurem agir com inteligência, porque repetir os mesmos protestos dos anos anteriores nós já vimos que não adianta.
 


Um comentário:

  1. Excelente artigo.

    O próprio ENEM não tem condições de avaliar o grau de conhecimento (não conhecimento?) dos candidatos.
    Elaborado de forma primária, carece dos requisitos fundamentais para os objetivos aos quais se propõe (será que se propõe mesmo?)

    Ressalto que a EDUCAÇÃO no país tem estado em 'queda livre' há algumas décadas, tendo essa queda se acentuado sobremaneira nesses últimos tempos. TUDO TERIA QUE SER REVISTO - por quem realmente estivesse interessado em fazer a nação alcançar níveis de excelência. 

    Outrossim, os professores recebem salários de mendicância, quando deveriam ser prestigiados e respeitados, pois são eles os responsáveis pelos 'alicerces' de todo e qualquer sistema educacional.

    No que tange à corrupção: 'vazamentos' de resultados , etc ... Nada a dizer, pois tais ocorrências revelam apenas um dos muitos (todos?) setores de responsabilidade do Estado, corroídos pelo descaso das autoridades.

    Mirna Cavalcanti de Albuquerque

    ResponderExcluir